Questões da Submissão para o Unreasonable Institute

1. Da forma mais específica que puder, identifique a necessidade que seu negócio resolve.
Qual é a necessidade social ou ambiental que você espera resolver? Porque nós devemos nos importar em resolver essa necessidade? Fique focado na necessidade que você pretende resolver e não discute sua solução aqui.

Pessoas com problemas visuais, especialmente as cegas, não podem reconhecer cores e cédulas de dinheiro. Isso é importante para melhorar sua qualidade de vida pois torna essas pessoas mais independentes e eleva sua auto-estima. Além disso, essa deficiência não permite que elas trabalhem em diversos áreas. A maioria delas tem baixo poder aquisitivo e, por isso, necessitam de uma solução de baixo custo a esse problema.

2. Como você sabe que esta é uma necessidade não solucionada atualmente?
Que indicadores você tem que mostram que essa necessidade é atualmente não solucionada e merece atenção urgente? Você tem interagido com as pessoas com a necessidade ou já teve uma primeira experiência com essa necessidade?

Há 314 milhões de pessoas com alguma problema visual no mundo, sendo que 45 milhões delas são cegas (WHO.org). Também, 87% delas vivem em países em desenvolvimento ou subdesenvolvidos (25 milhões só no Brasil). Eu trabalhei em parceria com uma ONG que trabalha com pessoas cegas e eles declararam essa como uma necessidade.

3. O que é a sua solução?
Como você está resolvendo a necessidade acima? Como você sabe que a sua solução ataca a causa do problema ao invés dos síntomas? Demonstre como sua idéia é uma solução sistemática para essa necessidade.

Minha solução é um aparelho portátil identificador de cores e cédulas de dinheiro de baixo custo. Esse aparelho lê a cor do objeto ou o valor da cédula de dinheiro e fala o nome em som claro. A causa do problema é o custo alto desses tipos de dispositivos. Proponho um dispositivo de baixo custo que irá provocar uma redução dos preços praticados no mercado.

4. Quem são os consumidores?
Quem são os benefiários ou consumidores do seu produto ou serviço? Por favor, seja o mais detalhista possível em descrever seu consumidor, incluindo informações demográficas relevantes como status socio-econômico, idade, sexo e localização.

Os consumidores são primeiramente brasileiros com problemas visuais e pessoas cegas, sendo que 29% delas (7.25 milhões) vivem com menos que o valor do salário mínimo no Brasil. Só o Estado de São Paulo abriga 2.2 milhões delas. Além disso, a expectativa de vida dos brasileiros é de 68 anos, sendo que em 80% da vida sem nenhuma deficiência. Isso significa que um brasileiro médio viverá 14 anos com algum tipo de deficiência (IBGE).

5. Como seus consumidores tem sua necessidade atendida atualmente? Quais são as soluções existentes que eles estão usando para resolver sua necessidade?
Quais produtos ou serviços já existem para atender essa necessidade e qual é a efetividade dessas soluções? Se não existe nenhum competidor, descreva de que outra forma seus consumidores estão lidando com essa necessidade. Não se foque em seu negócio nessa questão; nós só queremos saber o que já existe no mercado.

As pessoas com problemas visuais resolvem o problema dependendo de alguém para ajudá-las em suas tarefas ou comprando um dispositivo similar no mercado. Há alguns identificadores vendidos no Brasil, com preços de R$300 (somente para cores) até R$600 (somente para cédulas). No entanto, este é um custo elevado para os clientes-alvo e não há um dispositivo integrado para identificar cores e dinheiro.

6. Por que você acredita que sua solução irá atender as necessidades de seus clientes? Como você sabe que seus clientes vão pagar por seu produto ou serviço?
Você tem algumas indicações de mercado para apoiar suas suposições? Alguma vez você já mostrou um protótipo para os clientes? Como você vai ter a certeza que seus clientes estão satisfeitos com o produto ou serviço?

Eu tenho muitas informações da minha ONG parceira sobre um produto como o identificador proposto. Além disso, minha equipe desenvolveu um protótipo e, desde que foi tornado público no site da universidade, costumamos receber pedidos de compra do aparelho por e-mail. O protótipo foi desenvolvido durante o curso de graduação. No final do desenvolvimento, nós o apresentamos à ONG que nos deu vários feedbacks sobre a usabilidade do dispositivo. Ainda, a ONG demonstrou um grande interesse em levá-lo ao mercado.

7. Quais são os resultados concretos da sua solução e quais as principais métricas que você vai usar para demonstrar seu progresso?
Qual a diferença tangível fará o seu produto ou serviço na vida de seus clientes? O que irá acontecer se o negócio se tornar bem sucedido e atingir os objetivos que você vislumbra nesta submissão? Como você saberá que sua empresa é bem sucedida e quais as métricas que usará para medir o seu sucesso?

As principais métricas para o meu negócio são: taxa de emprego e salário médio dos clientes, número de pessoas deficientes que tem o identificador de cores/dinheiro. Se o meu negócio for bem sucedido cada deficiente visual possuirá um dispositivo para ajudá-lo em suas atividades diárias. Isto irá melhorar a auto-estima dos consumidores. Por exemplo, eles poderão escolher as suas roupas pela cor, identificar objetos e usar notas de dinheiro verificando o valor.

8. Quais as etapas que são necessárias para transformar sua idéia em realidade e onde você está no processo de desenvolvimento?
Uma vez que você identificou a necessidade não solucionada, como é que você desenvolve a idéia de seu negócio? Você estabeleceu alguma parceria importante? Se você está funcionando durante um longo período de tempo, compartilhe conosco as principais medidas que tomou para chegar onde está hoje. Quantos clientes você tem e como grande parte das receitas / financiamento tem sido gerado? Se você ainda está apenas na idéia do seu negócio, diga-nos como você está trabalhando no sentido de tornar sua idéia uma realidade, há quanto tempo você vem trabalhando nela, e como se desenvolveu ao longo do tempo.

As etapas de desenvolvimento são: 1.levantamento de requisitos, 2.seleção da solução técnica, 3.projeto mecânico e elétrico, 4.construção do protótipo, 5.teste com usuários, 6.melhorias do protótipo, 7.projeto final, 8.criação de plano de negócios, 9.seleção dos fornecedores, 10.aumentar o capital inicial e 11.desenvolvimento do canal de distribuição. Já temos uma parceria com uma ONG que ajuda pessoas cegas, para entrar em contato com possíveis clientes. Recebemos apoio acadêmico de uma comissão da universidade que promove projetos que atendam às necessidades sociais. Estamos trabalhando há 6 meses nessa idéia e temos o primeiro protótipo funcionando.

9. Descreva duas outras ações empreendedoras tomadas na sua vida.
No Unreasonable institute, acreditamos que empreendedores fazem coisas e que criam coisas. Suas experiências passadas como um empreendedor pode variar de venda de limonada até iniciar um empreendimento comercial para a criação de um grupo comunitário ou estabelecimento de um clube. Tanto iniciativas bem sucedidas quanto fracassadas, estamos animados em ouvir sobre suas duas mais significativas experiências empreendedoras.

Na minha vida, eu tive várias pequenas experiências empreendedoras. Minha experiência empreendedora mais significativa foi a organização de 4 eventos no último ano do curso de graduação. Estes eventos pretendiam promover a visão sócio-ambiental nos estudantes universitários. Nós fizemos reflorestamento, visitas a ONGs e atividades sustentáveis em uma escola pública. Mobilizamos cerca de 500 alunos. A segunda experiência mais significativa foi mobilizar um grupo de 5 pessoas para desenvolver um framework para criar sites dinâmicos. Com o framework nós pudermos construir 7 websites: 4 para organizações com fins lucrativos e 3 para organizações sem fins lucrativos. Os websites para organizações sem fins lucrativos permaneceram online usando meu framework por 4 anos e foi utilizado por 5.000 usuários em média.

10. Como os membros de sua equipe se conheceram? Descreva a história de seus relacionamentos, incluindo a experiência de trabalho compartilhado. Como e por que vocês decidiram trabalhar juntos?
Acreditamos que uma das partes mais importantes de uma empresa startup de sucesso é a equipe de fundadores. Então, por favor nos fale sobre a sua! Se você não tem uma equipe, por favor aproveite esta oportunidade para explicar por que você é o único fundador de sua empresa. Nós preferimos as equipes de modo que você terá que fornecer uma excelente razão para não ter uma.

Somos uma equipe com 2 pessoas. Nós nos conhecemos há 6 anos na universidade e começamos a trabalhar juntos há 3 anos. Entramos em contato por causa do nosso interesse comum em Engenharia de Computação e começamos a trabalhar na comissão da universidade que promove projetos sociais. Estamos trabalhando juntos nessa comissão e em outras atividades voluntárias. Além disso, construímos o protótipo da nossa solução em conjunto. Decidimos trabalhar como uma equipe para montar um negócio quando percebemos que não queremos trabalhar em grandes empresas após a graduação e porque queremos fazer a diferença no mundo.

11. Porque a sua equipe é a única qualificada para montar esse empreendimento? Além disso, por favor explique qual membro da equipe participará do Unreasonable Institute e por que ele foi escolhido.
Compartilhe conosco a paixão de sua equipe, educação, experiências passdas, conhecimentos e pontos fortes individuais. O que torna a sua equipe a perfeita para montar o seu empreendimento? Se você precisa expandir o tamanho de sua equipe, por favor, nos diga como você fará isso e porque você precisa de mais membros. Se você não tem uma equipe, porque não? Porque você acha que está qualificado para executar o empreendimento por conta própria?

Sou engenheiro de computação e aluno de mestrado que se foca em tecnologias sociais e apropriadas. Já fiz vários dispositivos e softwares, trabalhei em diversas empresas e estou participando de um comitê de projetos sociais na universidade. Gosto de fazer coisas e gostaria de usar meu conhecimento para criar coisas que ajudem as pessoas. Minha parceira também é engenheira de computação, mas focada em usabilidade e na interação com os usuários finais. Ela é muito analítica e tem uma grande emperiência em trabalhar com software livre. Eu irei atender ao Unreasonable Institute.

12. Descreva sua falha mais significativa como empreendedor.
Nós realmente valorizamos a falha no Unreasonable Institute (nós falhamos muito). Acreditamos que os empreendedores, muitas vezes, aprendem mais com os seus fracassos do que de seus sucessos e queremos aprender sobre o seu maior fracasso como empreendedor. Não, esta não é uma pergunta difícil e é uma verdadeira questão. O que aconteceu e por que você considera essa experiência um fracasso? O que você aprendeu com o fracasso e o que você tem feito desde que você falhou?

Minha falha mais significativa como empreendedpr ocorreu uma vez em que trabalhava em uma comunidade local para revitalizar uma praça da vizinhança. Nós tentamos motivar as pessoas, mas só conseguimos a atenção das crianças. Fizemos uma limpeza e reformamos a praça. Mas, 6 meses depois, a praça era como no início. Eu aprendi que precisamos trabalhar tanto com os aspectos sociais e técnicos, e nós precisamos ouvir a comunidade para entender suas necessidades, e não tentar fazer o que pensamos ser o melhor para eles.

13. Nós exigimos que todos empreendimentos que incubamos consigam cobrir os seus custos de operação no prazo de 1 ano após o Instituto. Qual é o seu modelo de negócio para a sustentabilidade financeira?
Você pode precisar de investimento inicial ou doações para fazer seu negócio decolar, mas uma vez que estiver em execução, como é que vai se sustentar? Se você já é financeiramente auto-sustentável, qual é o seu modelo financeiro e quando você se tornou financeiramente auto-sustentável? Para ser claro, nós definimos financeiramente auto-sustentável como sendo capaz de cobrir todos os custos das operações internas com a receita que é gerada a partir da venda de seu produto ou serviço. Se você depende de doações de caridade ou outras fontes externas de financiamento para funcionar, você não atende a nossa definição de financeiramente sustentável.

Meu modelo é baseado na venda do produto. Nós tornaremos auto-sustentável quando alcançarmos o número de vendas suficientes para manter a fábrica e o desenvolvimento de produtos. Eu não pretendo contar com caridade. Em vez disso, pretendemos vender os dispositivos através de ONGs, lojas especializadas e nosso site.

14. Como o seu modelo pode ser escalado ou replicado para atender às necessidades de pelo menos 1 milhão de pessoas?
Todas as empresas com as quais trabalhamos no Unreasonable Institute devem ter a intenção de escalar ou reproduzir fora do seu país de origem seus modelos de negócio no prazo de 3 anos após o Instituto. Qual é o seu plano para o seu modelo de escala ou de replicação e como você vai ter a certeza que será eficaz? Você abrirá o seu modelo de negócios permitindo que outros empreendedores adotem o mesmo modelo em seus países de origem, criar uma franchise, escalar internamente, ou replicar seu modelo de alguma outra maneira?

Para atingir 1 milhão de pessoas, vamos liberar o hardware e software como open source. Isso irá ajudar empreendedores de outros países a adaptar o dispositivo às necessidades locais, mudando a maneira que o dispositivo reconhece o dinheiro ou a língua do mensagens sonoras.

15. Como você vai levará seu produto ou serviço a seus clientes?
Qual é o seu planejamento de marketing e como você vai distribuir o seu produto ou serviço?

A maioria das pessoas com deficiência visual usa os serviços das ONG’s para ter acesso a livros, jornais e outras ferramentas especializadas, como bengalas. Nós vamos fazer uma parceria com ONGs locais para vender os aparelhos para as pessoas necessitadas. Além disso, o website, com características acessíveis, permitirá a venda direta e a distribuição.

16. O que você não sabe?
Durante a maior parte desta submissão você tem compartilhado conosco o que você sabe e o que você preve que vai acontecer. Queremos que você aproveite esta oportunidade para nos dizer o que você não sabe. Existe algum conhecimento que você atualmente não tem acesso? Há perguntas que não têm respostas? Que suposições não testou? Quais as incertezas existentes atualmente no seu negócio / clientes / equipe / modelo … etc? Valorizamos a integridade e a transparência em todos os empreendedores com quem trabalhamos.

Eu não sei se é melhor ter uma grande fábrica ou arranjos locais onde os dispositivos são montados perto do cliente. Eu não sei que tipo de material poderia ser usado para fazer um dispositivo “verde”.

17. O que você vai fazer se você não for aceito no Instituto?

Se eu não for aceito, vou tentar submeter a outras instituições e continuarei o desenvolvimento do protótipo e do plano de negócios. E, claro, vou rever os erros e avaliar as fraquesas dessa submissão.

About the Author

AUIRE é uma empresa social que desenvolve dispositivos de baixo custo de assistência à pessoas com deficiência.